Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Revista Inominável

A revista para lá da blogosfera!

Qui | 05.07.18

Lá vem a Noiva | Dicas de noiva

O processo de preparar um casamento tem sido um momento de grande aprendizagem, seja sobre mim mesma, sobre os outros ou até sobre o próprio conceito de casamento nos dias que correm. Tenho dado por mim, como se fosse uma expert na matéria (afinal já estou há um ano nestes preparativos) a dar conselhos, dicas e sugestões a noivas. De uma forma inconsciente pareço já estar a chegar à fase de dar dicas a noivas, mesmo ainda não tendo o meu casamento acontecido (pronto, ainda não aconteceu, mas já falta pouquinho), dou por mim a responder a questões de noivas como se já tivesse muita experiência na área ou como se já me tivesse casado, o que não deixa de ser um bocadinho estranho. Contudo, deixando a estranheza à parte, gosto de dar os meus conselhos, pelo menos a quem os pede, e vou deixá-los com vocês; sei que não os pediram, mas tenho a certeza de que estão desejosos de saber quais são, não vá um casamento acontecer em breve!

É o vosso casamento. Eu sei que isso já é um conceito adquirido, é o vosso casamento e são vocês que estão a prepará-lo, mas a verdade é que há tanta gente que gosta de opinar sobre o assunto que têm sempre a capacidade de nos deixar a duvidar sobre as decisões já tomadas. Toda a gente tem uma opinião sobre a melhor quinta, a melhor comida, a loja com o melhor vestido, mas a verdade é que só vocês podem e devem tomar tais decisões, afinal é o vosso casamento e o de mais ninguém. Há sempre alguém que irá criticar, há sempre alguém que poderá fazer melhor, no entanto só vocês se vão casar e só vocês é que têm de estar satisfeitos com as vossas decisões. Nem sempre é fácil lidar com a pressão externa, seja de familiares ou amigos, a minha resposta mais rápida e eficaz é sempre: "pois, mas sou eu que vou pagar", e o assunto morre ali imediatamente e os sorrisos atrapalhados surgem. Lembrem-se: é o vosso casamento, um momento único na vida e não se deixem ir na opinião dos outros.

Não contem com as prendas para pagar o casamento. Acho que muita gente cai no erro de contar com a possibilidade de receber prendas para ajudar a pagar uma grande fatia do casamento, e a meu ver isso é um erro. Pelo menos, eu não conseguiria viver com a insegurança de não ter dinheiro suficiente para pagar todos os serviços do casamento, talvez por isso tenhamos vindo a adiar o casamento até este momento, mas pelo menos estamos com alguma segurança financeira que nós próprios criámos. Existirão sempre pessoas que darão boas prendas e outras nem tanto assim, e não vale a pena viver nessa insegurança. Se têm quem vos dê um suporte financeiro, a questão já é outra, mas se não têm acho que o stress causado não compensa. Mais vale adiar meio ano, um ano se necessário, mas pelo menos saberão que poderão viver à vontade o maior momento das vossas vidas (pelo menos é o que toda a gente diz).

Definir desde o início o que querem impede cair em exageros. Este é um dos pontos mais importantes, na minha opinião. Hoje em dia o casamento é um grande negócio que envolve uma quantia absurda de dinheiro, e se não se definir desde o início um orçamento ou aqueles serviços que realmente desejamos, facilmente se cairá em exageros e o orçamento irá sair ao lado. Há tanta coisa considerada “extra” num casamento que não é difícil perdermo-nos nesses pormenores, é lacinho para ali, etiqueta para acolá, letras para além, e no final já se foi uma grande parte do orçamento. Antes de definirem um orçamento investiguem o mundo dos casamentos um bocadinho e assim já terão ideia do que serão os vossos desejos para o grande dia.

Relaxem, por favor! Eu sei que organizar um casamento é uma grande tarefa, é cansativo andar sempre a fazer contas, é aborrecido estar sempre a receber orçamentos para isto e para aquilo, mas também é verdade que (supostamente) será a única vez na vida que o farão, por isso aproveitem! Causa-me imensa confusão quando vejo a cara de alguns noivos, de stress, de preocupação, de quase desânimo, enquanto preparam o seu casamento. É suposto ser um momento bom, divertido, afinal estão prestes a realizar o vosso sonho. Tentem deixar o stress de lado, pelo menos a maioria do tempo, tentem relaxar e aproveitar esta caminhada que pode ser bastante divertida. Riam-se um com o outro, riam-se dos outros ou até de vocês próprios, mas sorriam.

São dicas tão básicas, mas acho que existem tantos noivos por aí que precisam delas para conseguirem sobreviver a esta longa caminhada que é preparar um casamento. Quanto ao meu, está quase aí à porta, a caminhada tem corrido bem, sem muitos percalços e agora só espero que da próxima vez que vos escrever já seja uma mulher casada e com muitas histórias para contar!

#14 noiva imagem.jpg

__________________________________________________________________

Publicado em Inominável nº 14

por Just Smile, autora do blog Just Smile

Siga-nos no Bloglovin