Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Revista Inominável

A revista para lá da blogosfera!

Qui | 15.03.18

Viagens | Passear a pé #1

 

Passear a pé é uma das minhas actividades favoritas, sobretudo em ambientes naturais. Além de ser saudável e ajudar a manter a forma, é distrativo e areja a cabeça. Por sorte, em Portugal há cada vez mais e melhores trilhos, passadiços e passeios marítimos propositadamente criados ou marcados para quem gosta de andar a pé. Em 2016 havia cerca de mil percursos pedestres registados, distribuídos por quase todos os concelhos de Portugal continental e das ilhas. Curtos ou mais extensos, muito fáceis ou extremamente exigentes, o leque de percursos disponibilizados para os amantes de caminhadas ao ar livre é cada vez mais abrangente.

 

Caldeirão do Corvo (11).jpeg

Estes de que vos vou falar agora são apenas uma pequena mas variada amostra daquilo que o nosso país tem para nos oferecer. Coloquei-os por grau de dificuldade, dos mais fáceis para os mais difíceis – segundo a minha opinião, claro! Alguns deles são já bastante conhecidos, outros nem por isso, mas todos eles têm um encanto próprio e características especiais que os tornam absolutamente incontornáveis.

 

Vamos passear?

 

Uíma (10).JPG

 

Parque das Ribeiras do Rio Uíma

 

É um percurso quase todo em passadiço de madeira, plano e muito fácil, e acompanha maioritariamente o Rio Uíma numa zona densamente arborizada e muito bonita. A água corre em abundância e há pequenas represas e canais. É possível observar vários aspectos da flora e fauna característicos do local, devidamente identificados com painéis informativos. Existe até uma torre de observação de pássaros, na zona sul, e um abrigo do lado norte que tem a mesma finalidade. Tem vários locais de descanso e uma zona com equipamentos para exercício físico.

Uíma (2).JPG

 

Uíma (4).JPG

 

Uíma (14).JPG

 

Uíma (7).JPG

 

Uíma (9).JPG

 

Uíma (11).JPG

 

Uíma (3).JPG

 

Uíma (13).JPG

 

Uíma (1).JPG

Localização: Fiães (concelho de Santa Maria da Feira, distrito de Aveiro)

Início: Estrada Nacional 326 (parque de estacionamento)

Fim: norte - ponte da Tabuaça; sul - rua do Rio Uíma

Comprimento: 2 km (+ 2 km para o regresso)

Duração: +/- 1 hora (percurso ida e volta)

Uíma - mapa percurso.png

Características especiais: desenvolve-se em dois lados separados da EN 326; para norte o percurso mais curto, com cerca de 400 metros; para sul, são cerca de 1200 metros (no final existe um outro parque de estacionamento).

Uíma (5).JPG

 

Uíma (6).JPG

 

Uíma (8).JPG

 

Uíma (15).JPG

 

 Amanhã vou levar-vos em mais um passeio. Curiosos? Podem ler tudo na Inominável n.º 12 :-)

 

 

 __________________________________________________________________

Publicado em Inominável nº 12

por Ana CB autora do blog Viajar. Porque sim