Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Revista Inominável

A revista para lá da blogosfera!

Ter | 27.06.17

Musicalizando com... Gil do Carmo

Musicalizando com... Gil do Carmo

 

Gil do Carmo dispensa apresentações.

Filho e neto de fadistas, cresceu no seio de uma família onde a música sempre esteve presente.

No entanto, traçou o seu próprio caminho na música, apresentando um estilo muito próprio, e diferente do que se poderia esperar.

Com 19 anos, decidiu ir estudar em algumas das mais prestigiadas escolas de música dos Estados Unidos.

Contando já com três álbuns editados, “Mil Histórias”, “Nus Teus Olhos” e “Sisal”, Gil do Carmo compôs também para artistas bem conhecidos do panorama musical português.

O quarto álbum, “A Uma Voz”, chegou em Fevereiro deste ano, oito anos depois do último trabalho, e é quase como “uma impressão digital”, com músicas totalmente escritas por si, onde se podem encontrar temas como “O Teu Cheiro a Café Torrado”, single de apresentação gravado em Lisboa, “Flor de Sal”, “A Menina do Calção Branco” ou “Na Minha Esquina”.

Para nos falar um pouco mais sobre a sua carreira musical e este novo trabalho, Gil do Carmo aceitou o convite para participar na rubrica “Musicalizando”.

 

Como é que surgiu a sua paixão pela música?

Não me parece que seja explicável por palavras, visto ter crescido comigo!
Desde miúdo que me lembro de querer ser Cantor!

 

O facto de ter crescido no seio de uma família ligada à música implica, de alguma forma, uma maior responsabilidade para si, no sentido de manter a tradição e ser bem-sucedido nesta área?

Pessoalmente, parece-me que tal acontece, consciente e inconscientemente essa responsabilidade habita em mim. Sucesso, é uma palavra que está na moda, não sei o que quer dizer, e sim, procurar o reconhecimento do nosso trabalho parece-me o mais difícil de construir nos nossos dias!

 

O Gil estudou em algumas das mais prestigiadas escolas de música, como o Musiciens Institute, em Los Angeles, e a Berklee College of Music, em Boston. Como foi essa experiência?

Viver fora, nomeadamente nos E.U.A., foi importantíssimo para regar a auto-estima de "Ser" Português! A vontade expressa de cantar em Português e ainda mais Portugal!

 

O seu terceiro álbum, “Sisal”, foi editado em 2008. Este novo trabalho, “A Uma Voz”, surge 8 anos mais tarde. O que o levou a esperar tanto tempo?

Não foi uma espera, foi um processo de crescimento, vivência e experimentação musical! Tudo tem o seu tempo!!!

 

Existem diferenças a nível musical entre os trabalhos anteriores e o novo álbum?

Claro que sim! Analiticamente basta referir que este é um disco de "banda". Feito com o que gosto de apelidar de minha segunda família! São músicos brilhantes que percebem a cada acorde onde quero chegar!

 

Em “Sisal” estava bem presente a fusão da multiculturalidade. Em “A Uma Voz” isso também acontece? A música é, ou deveria ser, uma arte multicultural, ainda que mantendo as raízes e tradições próprias de cada país?

Sem dúvida que "A uma voz" é uma continuação do "Sisal"! Se essa multiculturalidade já existia, aqui ainda é mais evidente! Não tenho dúvida que o futuro, a arte e o conhecimento far-se-ão dessa miscigenação!

 

Todos os temas de “A Uma Voz” foram escritos por si. Sobre o que nos falam as músicas deste novo trabalho?

Gosto de sentir o espaço onde vivo, a forma como Lisboa vive em 2016 e de que forma é que podemos amar!? O amor estará sempre por descobrir!

 

Musicalizando com... Gil do Carmo

  

Para além de compor as suas próprias músicas, compõe igualmente para outros artistas. Consegue destacar uma dessas músicas que lhe tenha dado mais prazer compor para outro artista que não o próprio Gil?

O meu Pai ganhar um "globo de Ouro" com "Dois Portos", como música do Ano, é um orgulho!

 

Que balanço faz destes quase 20 anos dedicados à música?

Que venham mais vinte e mais vinte e mais vinte, aprendendo, sempre!!!...

 

Quais são as suas expectativas relativamente a este novo trabalho? Que feedback tem recebido por parte do público?

A critica e receptividade têm sido excelentes! Expectativas!?... E a Lua aqui tão perto!!!...

 

Onde vamos poder ouvir o Gil do Carmo nos próximos meses?

Apresentámos o disco dia 30 de Março no B.Leza, depois no "Viva a música" na Antena 1 e aí com o espectáculo pronto, vamos para a estrada!!!

 

Muito obrigada pela sua disponibilidade!

 

Para ficarem a saber mais sobre Gil do Carmo, aqui ficam os respetivos links:

Página oficial e Facebook

 

 

______________________________________________________________________

Publicado em Inominável nº 4

por Marta Segão, autora do blog Marta O meu canto e participante no blog Clube de gatos

Siga-nos no Bloglovin